Drº Christian de Q. Chaves | CRM 28701/RS | CRM 24064/SC.
(48) 3307.7963 | 99106.8747 | Fale Agora pelo Whats | E-mail: atendimento@drpocket.com.br

Ejaculação Precoce

QUESTIONÁRIO CLÍNICO GRATUITO

O que é?

O transtorno da ejaculação precoce acaba por atingir 20 a 30% dos homens! Isso causa desconforto nas relações, vergonha vinculada ao seu desempenho sexual, sentimento de impotência entre outros.
É considerada um distúrbio da função sexual, e definida como a ejaculação que ocorre antes do desejado.

De forma persistente e recorrente, com um mínimo estímulo sexual, não existe tempo médio da relação! A única regra é que ela seja prazerosa e traga boas sensações ao final da relação.

QUESTIONÁRIO CLÍNICO GRATUITO

Causas

A origem da ejaculação precoce é vista como uma soma de fatores psicológicos e biológicos, podendo ser primária (desde o início da vida sexual) ou secundária ( aparece após a entrada na fase final da vida adulta)

Fatores Orgânicos
• Distúrbios na tireóide;
• Fatores genéticos;
• Inflamação ou infecção na próstata ou uretra;
• Níveis hormonais acima do normal;
• Níveis de neurotransmissores acima do normal;
• Atividade anormal do sistema ejaculatório;
• Danos no sistema nervoso causados por experiências traumáticas ou cirúrgicas.

Fatores Psicológicos
• Ansiedade;
• Disfunção erétil;
• Problemas no relacionamento;
• Uso de medicamentos psicotrópicos.

Orientações

Existem hoje diversos produtos no mercado que diminuem a sensibilidade, podendo retardar a relação. Infelizmente, na maioria dos casos, acaba até por agravar a situação, já que as metodologias tratam com imediatismo e não se preocupam com a recuperação total da pessoa e muito menos com resultados duradouros e sem dependência medicamentosa futura.

Não se deve descaracterizar a relação sexual, é importante reeducar a área que possui a sensibilidade em excesso, controlando também problemas subjacentes como ansiedade entre outros.

É muito importante ressaltar que a escolha de uma metodologia para solucionar a sua dificuldade, deve sempre considerar os aspectos biológicos, psicológicos e sociais como fatores contribuintes para a dificuldade mas também para a superação dela.
Além disso, nenhuma metodologia exposta no mercado exclui a necessidade de consulta médica presencial.

QUESTIONÁRIO ONLINE